Categorias

Blog Post

Bancários fazem ato em repúdio a casos de assédio na Caixa
Sindical

Bancários fazem ato em repúdio a casos de assédio na Caixa 

Redação

O Sindicato da Bahia e a Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe realizaram um protesto em frente à agência Mercês da Caixa, no Centro de Salvador, nesta quinta-feira (30/6), para protestar contra o assédio sexual e moral no banco. Essa semana veio à tona uma série de denúncias gravíssimas de assédio do ex-presidente da instituição, Pedro Guimarães, de dezenas de funcionárias do banco.

Os dirigentes sindicais prestaram solidariedade e homenagearam as bancárias que denunciaram o assédio praticado pelo agora ex-presidente da Caixa, Pedro Guimarães, durante sua gestão. Ressaltaram ainda a necessidade de uma apuração profunda e célere, que investigue também se a postura de Guimarães foi acobertada por outros dirigentes da empresa.

“Não é só o assédio sexual, tem também o assédio moral e a pressão por metas. Na verdade é um modelo de gestão coercitiva que se espalhou por toda a Caixa e nas estatais. É o estilo Bolsonaro. Precisamos derrotar este governo e eleger candidatos comprometidos com a nossa luta”, afirmou o secretário Geral da Feebbase, Emanoel Souza, que integra a Comissão dos Empregados da Caixa.

Para Souza, os bancários devem reforçar a luta em defesa da Caixa, que será ainda mais atacada nesta reta final de governo, sob a gestão de Daniella Marques, que é braço direito do ministro da Economia, Paulo Guedes.

No protesto, o presidente licenciado do Sindicato da Bahia, Augusto Vasconcelos, falou também sobre as cobranças abusivas da atual gestão que tem como pauta o terror, pânico e as constantes ameaças de descomissionamento. “Não podemos admitir que o assédio seja tratado como ferramenta de gestão”, destacou.

Fonte: Feeb


Tribuna recomenda!

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *