Categorias

Blog Post

O Voto é a nossa Arma contra os Tiranos
Colunistas, Geral

O Voto é a nossa Arma contra os Tiranos 

Por Michelle Meneses

Julho 2021.

Faz frio lá fora! A alma tá agitada, o coração disparado, os pensamentos estão confusos numa mente que quase não descansa!

As palavras engasgam num mix de ideias e angústias que atormentam o corpo.

Estou exausta.

Estamos todos exaustos.

A Pandemia no Brasil está longe de  acabar, a vacinação segue lenta, as pessoas tentam retomar suas vidas dentro de uma estranha normalidade.

Até quando viveremos nesse compasso de espera? Até quando viveremos a angústia deste desgoverno?

O tempo…

O tempo continua preguiçoso, passando lentamente, transformando os dias em um fardo pesado de se carregar.

As notícias no Brasil são as piores e mais difíceis possíveis; pessoas em filas para receber restos de comidas, pedaços de ossos, desemprego acachapante, violência desenfreada, somente em 2020, em plena pandemia, foram mais de 50.000 homicídios em nosso país. Tudo isso somado aos mais de 540 Mil brasileiros Mortos pelo Coronavirus.

São muitas tragédias ao mesmo tempo!

Essas são algumas das notícias que se tornaram rotina no Brasil empobrecido e embrutecido.

Alarmante.
Desesperador.

O cenário em que vivemos atualmente é sombrio, afeta a todos, porém os mais pobres e vulneráveis sofrem na pele o impacto de um Governo desastroso!

Grande parte da população brasileira perdeu a esperança de sonhar com um futuro melhor, com uma mesa farta e um emprego.

Nesses tempos tenebrosos no Brasil está difícil até mesmo sonhar!

Aos poucos esse Governo cruel vai arrancando de seu povo as pequenas alegrias do dia a dia e a força de seguir caminhando em busca de um futuro promissor.

O cenário é desanimador, mas não podemos desistir!

Em 2022 temos que dar o nosso grito de liberdade nas urnas.

Não vamos eleger e muito menos reeleger esses facínoras que se alimentam da desgraça do próprio povo.

Vamos sim, Votar com consciência e responsabilidade para que jamais essas pessoas estejam no comando do Brasil.

Espero que esses últimos anos sirvam de exemplo para todos aqueles que não se interessam por Política, para todos aqueles que preferem uma posição  “neutra”, pois foi exatamente essa  “isenção”, essa falta de atitude, que  colocou  no comando da nação, pessoas despreparadas, incompetentes e perigosas.

Tudo na vida é política.

Política é ação, é atitude, é a arte da negociação.

Precisamos da Boa política para organizar a nossa vida em sociedade, para sermos livres, fortes e felizes.

A política, segundo o filósofo francês  André Comte-Sponville, “nos reúne nos opondo”, porque ela é “a vida comum e conflituosa, sob o domínio do Estado e por seu controle”, sim o Estado se mostra uma entidade imprescindível para as relações entre interesses; a política é capaz de frear o conflito e de evitar a violência generalizada; mas é ainda “a arte de tomar, de conservar e de utilizar o poder. E também a arte de compartilhá-lo, mas porque, na verdade, não há outra maneira de tomá-lo”.

Não podemos olhar a “política como inimiga”, mas sim como o único meio democrático para resolver nossos conflitos e proporcionar uma vida melhor aos cidadãos.

A política não é ruim, mas sim os agentes políticos que elegemos, é que não estão à altura e aptos para exercerem seus cargos em prol da população.

O poder está em nossas mãos para escolhermos bem e de forma consciente  os nossos representantes. Temos que eleger pessoas comprometidas com o bem comum e com o desenvolvimento do nosso país.

Somos os atores da nossa própria história, e para isso devemos ser os protagonistas na mudança dos rumos em nosso país.

Sei que 2022 parece distante, mas somente nas Urnas poderemos dar uma resposta mais eficaz e contundente a todas as atrocidades que estão sendo cometidas contra o povo brasileiro.

O Voto é a nossa melhor Arma a favor da Democracia.

MICHELLE MENESES – Advogada, Escritora, Mãe de 4 filhos e colunista do jornal Tribuna da Imprensa Livre.


Tribuna recomenda!

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *